Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

domingo, 31 de janeiro de 2010

Hades* Raio Branco-


Hades* Raio Branco-
Se preciso de vestígios
Irei até Hades, trecho de um concerto
Enlaço num resgate hino sensorial
O infinito, acordes
Que me fizeste sentir no céu
Entre trocas luxos
Dou minhas palavras memória
Pelo brilho do teu nome o Épiro
Maior que as estrelas todas as Arábias
Refletidas nos meus olhos, o Peloponeso.
Se preciso em tentação
Irei até Hades, duna ornada
Por todos os tons que és mais elegante
Recolocar-te-ei energia pura, erupções de Etnas
Nas brisas frescas tarantelas
Da minha tão tua manhã em diamantada aurora



Não ouso manhã sem teu sol
Alimento de amor sem fim...



Karinna* & Miguel-

*~*~*



Raio Branco

de vestígios
trecho de um concerto
hino senhorial
acordes
no céu
luxos
memória
o Épiro
todas as Arábias
o Peloponeso
em tentação
duna ornada
mais elegante
erupções de Etnas
tarantelas
em diamantada aurora

-alimento de um prazer sem fim-
Miguel-

Nenhum comentário: