Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

Rendas*


Rendas*



Rendada revigora
Rendida, regozija risonha
Rimada, rebusca rimas...
Renda rompe ritos
Revela reentrâncias
Retine raios radiantes...


Requintes revelando
Rara roupa rege
Regrando regra rasgada
Realmente realça
Rende...

Reluz
Reacende
Romântico
Ritual
Revelador...

Karinna*  &  Miguel-

Um comentário:

Miguel Eduardo Gonçalves disse...

Delicioso é fazer poesia
Deixar pra lá
O resto
Mas defender a tese
De que nos calamos
Para ouvir a vida

Uns a ouvem
Adubando crenças
Outros
Reconhecendo-se

Somos flor
Que aduba o chão
E morre
E renasce
Tavez feijão

BjK
M