Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Um Poema, Quatro Mãos


















Valsa*

Escuto sinais em bronze
Noite num jardim de estrelas
No longe luminoso nosso planeta.

Emoção do êxito a conquista
Anil e Cristal cravada a haste
A expectativa torna-se realidade.

Preceptor que profetiza luz
É como um violino que vienense seduz
E tudo se completa... grão e flor
E o desejo satisfaz-se! Tessitura do ardor.

Miguel e Karinna*

Nenhum comentário: