Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

quarta-feira, 17 de março de 2010

Salubre*


Salubre*

Preciso recitar-te na boca
Que ressurja
Numa oratória de paladares
Oráculo da moda
Pois já não tenho olhos
-mero enfeite-
Que sejam só olhares
Odaliscas
São mãos...
Realce aos espelhos
Juntas e nós desse sal
Ilusório...
Que chamamos de Amor
Nu.

Karinna* & Miguel Eduardo Gonçalves-

Nenhum comentário: