Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

sexta-feira, 11 de março de 2011

Pequeno Horizonte- LÚCIDO* Em Sono de Vidro-


Pequeno Horizonte-


Pequeno Horizonte
Da imaginação
Foro privilegiado
Maior que o mundo
Com tanto segredo
Toca o momento
Como a intimidade


Miguel-


LÚCIDO*

Esse denso arrepio
Poesia que é vontade
Paisagem deliciosa e proibida
Um pé no precipício
Um beijo de palavras
Como a fagulha do desatino.


Karinna*

Em Sono de Vidro

Ingênua liberdade
De um caminho atemporal
Sabe refletir mistério
No imprevisto...
É como sou!

Miguel-

2 comentários:

Jefhcardoso disse...

Olá, Miguel! Prazer estar aqui! Gostei do poema (03) que vocês compuseram. Parabéns!
Diga-me, será que um cara que se interessa por automobilismo, culinária, artes, 'fitness', finanças... poderá achar algo interessante em meu blog?

Convido para que leia e comente no http://jefhcardoso.blogspot.com/

“Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso.” (Jefhcardoso)

V.Cruz disse...

Confabulantes frases em formas de versos singram o infinito de inimaginaveis sensações...
Perfeita simbiose!
Cumprimento aos “Dois”!