Sobre o Blog...

Encontro poético em que inexiste a cronologia dos poemas. Pensamos em deixar registrada uma obra que reúna qualidades individuais sob um mesmo timbre, nossa marca entendida lado a lado. Registro de luz em olhares gêmeos fecundados na sementeira do verso... Quatro mãos, uma Poesia, almas em parceria.
Miguel- & Karinna*

terça-feira, 1 de julho de 2014

Sinfonia*-





Sinfonia*- 

karinna & Miguel Eduardo Gonçalves-

minha voz é alma sou presença e candura
os lábios se foram porque se presumem
-as madrugadas são soturnas- como as formosuras
com as marés dos dias não se fingem
absortos- apenas desenganos- memórias do mundo

-minha voz é alma, e eu declamo- sou pensamento

minha palavra é alma que o tempo adoça
não há papel que a suporte em tamanha realidade
nem linha que a tolere minha breve sorte
tal imensidão das horas me redima
desse absurdo sentir que até o amor consente

-meu amor é alma por um triz- beiro o firmamento

meu olhar é alma enluarada
e os receios são tantas borboletas voando em liberdade
como estrelas num tapete azul temperando o infinito
sem pespontos, nem dobras sem fantasias
talvez sonho e foz que os versos possam ter

meu olhar é alma sonhadora razão
e eu apenas sou fuga minha companheira
vestida das tantas letras - cada partida
fugitiva das muitas luas rumo aos sóis

-minha alma é nua voz- onde as dúvidas se perdem

Karinna* & Miguel-



Nenhum comentário: